Prevenção do Cancêr de Mama é tema de exposição gratuita no Popatempo Sorocaba

Data
20-06-2012
Categoria
Brasil
Tema

Diagnóstico precoce da doença eleva as chances de cura para 90%.

Grupo Andanças, a primeira-dama Denise Lippi e apoiadores, durante a Caminhada Outubro Rosa, em 2011

Quem utilizar os serviços do Poupatempo Sorocaba, ao lado do Terminal São Paulo de ônibus, a partir deste sábado, dia 23 de junho, poderá aproveitar para visitar a exposição fotográfica “Oração ao Tempo”, de conscientização pela cura do câncer de mama, que é gratuita e aberta a todos.
A mostra é uma realização do Grupo Andanças, com o patrocínio da distribuidora de gás natural canalizado Gas Natural Fenosa e o apoio da Clínica Pró Femme, do Núcleo Estadual Sorocaba–São Paulo da Sociedade Brasileira de Psico-Oncologia e das empresas HD Hair Institute, Seritec, Claudia Silva Fotógrafa e Ballet Gisele Modesto.
Coordenado pela psicóloga e psico-oncologista especializada no tratamento do câncer de mama, Dra. Elisa Maria Neiva Vieira, o Grupo Andanças é formado por mulheres de Sorocaba e região em tratamento ou em recuperação do câncer de mama, com a missão de promover ações de conscientização sobre a importância da prevenção da doença. A exposição no Poupatempo Sorocaba traz informações sobre o auto-exame e o diagnóstico precoce do câncer de mama (veja mais detalhes, abaixo), além das diversas atividades, projetos e eventos promovidos pelo Grupo Andanças ao longo dos últimos quatro anos, quando foi realizada na cidade, em 2009, a primeira edição da tradicional “Caminha Outubro Rosa” pela cura e a prevenção da doença. De lá para cá, o movimento vem angariando cada vez mais adeptos e apoiadores, como o estilista Fábio Matiello, que assina as camiseta “pink” ícone da ação e a primeira-dama de Sorocaba, Denise Lippi, considerada a madrinha da iniciativa.
A exposição “Oração ao Tempo” será oficialmente aberta neste sábado, às 9 horas, com uma apresentação em flash mob das bailarinas da equipe de dança do Ballet Gisele Modesto, seguida do pronunciando da coordenadora do Grupo Andanças, Dra. Elisa Vieira, de representantes do patrocinador, dos apoiadores e autoridades presentes. Os painéis fotográficos poderão ser vistos pela população até 14 de julho, durante horário de funcionamento normal do Poupatempo Sorocaba, de segunda a sexta, das 9 às 18 horas e, aos sábados, das 9 às 13 horas. “A mostra no Poupatempo também marca o início das atividades deste ano da ‘4ª Caminhada Outubro Rosa’, que já tem data agendada para o dia 20 de outubro”, destaca Dra. Elisa. “A exposição é uma verdadeira viagem, na companhia das integrantes do Andanças, pelos principais momentos de sua luta incansável pelo diagnóstico precoce e o tratamento do câncer de mama”, conclui.
Para o Diretor-Geral da Gas Natural Fenosa, Armando Laudorio, o apoio concedido à programação do Andanças, pelo terceiro ano consecutivo, reforça o compromisso da empresa com temas de relevância para a sociedade. “A Gas Natural Fenosa já é parceira do Poupatempo Sorocaba na prestação de serviços online de gás natural nos terminais de computador do ePoupatempo e a iniciativa da exposição, promovida pelo Grupo Andanças no local, veio ao encontro dos valores da empresa que prezam, entre outros, pela responsabilidade social”, afirma Laudorio.
Diagnóstico precoce pode salvar vidas
O médico mastologista Alexandre Vicente de Andrade, da Clínica Pró Femme, explica que a prevenção é fundamental para o combate ao câncer de mama. “Mulheres a partir de 40 anos devem fazer mamografia todos os anos, pois, quanto antes a doença for diagnosticada, maiores são as chances de cura”. De acordo com o médico, um diagnóstico precoce pode garantir cerca de 90% de chance de cura.
O auto-exame das mamas também é aconselhado pelo médico. Ele pode ser feito mensalmente, de preferência, após a menstruação. Sentindo qualquer alteração, a mulher deve procurar seu médico, para um diagnóstico preciso. De acordo com o especialista, existem alguns fatores de risco para o desenvolvimento da doença, entre eles a obesidade e a ingestão excessiva de carne e gorduras de origem animal. Além destes, existe o fator hereditário e também o retrospecto de outras doenças de mama, ainda que benignas. Nestes casos, a mulher deve ficar atenta e seu tratamento será diferenciado.
De acordo com dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer), o câncer de mama ainda é a maior causa de morte entre as mulheres brasileiras, principalmente, na faixa entre 40 e 69 anos. Os números de morte nesse faixa são elevados devido ao diagnóstico tardio. Nesse sentido, o médico explica que a mamografia anual é extremamente importante, pois esse exame é capaz de diagnosticar um câncer até anos antes de ele se tornar palpável por meio do auto-exame, aumentando, assim, consideravelmente as chances de cura.
Serviço:

Exposição gratuita "Oração ao Tempo", do Grupo Andanças
Quando: 23 de junho a 14 de julho.
Horário: Segunda a sexta-feira, das 9 às 18 horas e, aos sábados, das 9 às 13 horas.
Local: Poupatempo Sorocaba (Rua Leopoldo Machado, 525, Centro), ao lado do Terminal São Paulo